O que é WWW?

< All Topics

Desde a década de 1960 até os dias de hoje, a internet sofreu diversas mudanças significativas. A quantidade de dados e informações que passaram a circular pela web nos últimos anos cresceu exponencialmente e a tendência é que esse valor continue aumentando.

Apesar de atualmente a estrutura da internet contar com modelos altamente complexos, o conceito vem sendo estudado desde a década de 1960. Somente no início da década de 1990 foi possível lançar o primeiro navegador, que consolidou o conceito da World Wide Web (WWW) como conhecemos hoje.

Confira neste artigo o que significa WWW, um pouco do histórico da internet e quais os parâmetros de utilização deste formato:

O que significa WWW

A sigla WWW se refere a World Wide Web ou, em português, rede de alcance mundial. Trata-se de um sistema interligado de arquivos e informações executados na internet. O modelo também é um sistema de hipermídia que em sua tradução literal significa “teia em todo o mundo” representando o poder de conectar o planeta e transmitir informações para qualquer lugar.

A origem da WWW

A internet nasceu nos anos 1960 como uma rede fechada com o nome de Arpanet. Ela foi criada para auxiliar os militares dos Estados Unidos na troca de informações entre computadores do governo.

Só foi em 1989 que a internet começou a receber características que conhecemos hoje, com o surgimento da WWW. A World Wide Web estabeleceu uma linguagem padrão para a circulação e organização dos dados que trafegavam pela rede, permitindo que qualquer computador, em qualquer lugar do mundo, pudesse ter livre acesso ao mundo virtual.

Quando foi concebida, a ideia da World Wide Web era apenas ser um sistema que fosse capaz de tornar mais fácil o compartilhamento de documentos de pesquisas com integrantes da Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear (CERN), situada na Suíça.

Foram os pesquisadores Tim Berners-Lee e Robert Cailliau que conseguiram publicar uma proposta mais formal para a World Wide Web no final de 1990. Os pesquisadores conseguiram desenvolver de forma aplicável, em um PC NeXTcube, um servidor, um navegador e as primeiras páginas da web.

Como a World Wide Web não era um projeto pertencente a uma empresa, foi muito mais fácil permitir a criação de novos sistemas com base no modelo sem a preocupação com licenciamento de softwares.

Em 1993, a CERN anunciou que a World Wide Web seria livre para todos os usuários, e poderia ser acessada sem custos. A partir deste momento, novas universidades passaram a realizar pesquisas em cima do projeto, que se desenvolveu até a internet que vemos nos dias de hoje.

Como funcionam os documentos da WWW

Os arquivos e documentos que estão na world wide web, ou simplesmente web, podem estar em forma de vídeos, hipertextos, sons e figuras, por isso ela é considerada um sistema hipermídia.

Para que essas informações possam ser mostradas ao usuário, um navegador ou browser é encarregado de dissecar as informações e apresentá-las em formato agradável em um dispositivo ou computador.

Dessa forma, o usuário pode navegar pelo site e seguir os hiperlinks que os levarão para outros documentos, ao mesmo tempo que também permitem enviar informações para um servidor.

Os padrões da WWW

A Web trabalha por meio de três parâmetros: a URL, o HTTP e o HTML. O primeiro especifica o endereço único que cada página da internet vai receber e delimita como ela vai ser encontrada pelos usuários.

O HTTP é um protocolo de comunicação que assegura a transferência de informações e dados entre redes. O HTML se trata de um método para codificar a informação da internet, a fim de que seja exibida de diferentes formas.

Em conjunto, esses parâmetros trabalham da seguinte forma: o hipertexto é codificado com a linguagem de marcação HTML, que possui marcas de codificação interpretadas pelos clientes WWW. Para realizar a transferência de informações no www é utilizado o protocolo HTTP, que possui suporte aos sistemas de informações e hipermídia.

O futuro da internet

Atualmente, a internet tem conectado cada vez mais as pessoas, e as informações nunca estiveram tão acessíveis quanto agora. Apesar dos perigos que envolvem a utilização desta grande quantidade de dados, é de se esperar que os sistemas de segurança se software acompanhem esta evolução.

E não há limites para a World Wide Web. À medida que as tecnologias são desenvolvidas e aprimoradas, mais dados e mais estruturas complexas vão surgindo. Assim, gradativamente, elas vão sendo implementadas e se tornando cada vez mais acessíveis para os usuários.

Print Friendly, PDF & Email
Anterior O que é internet?
Sumário